quinta-feira, 9 de fevereiro de 2012

Milha das Galveias e GP de Grândola

Bem, já com quase uma semana de atraso venho aqui deixar umas palavrinhas acerca das provas do último fim de semana... Por vezes o tempo não dá para tudo, mas mais vale tarde que nunca...


14ª Milha Urbana das Galveias

Então no passado sábado, dia 4 de Fevereiro, a Junta de Freguesia das Galveias e a Sociedade Filarmónica Galveense organizaram, com a colaboração técnica da Associação de Atletismo do Distrito de Portalegre, a sua 14ª Milha Urbana.

Uma prova por escalões, que contou com 49 chegados à meta na prova absoluta, sendo 9 (18%) do sexo feminino.

Em masculinos triunfou Bruno Paixão do Atletismo Clube de Portalegre e em femininos Raquel Trabuco do Clube Elvense de Natação.

O meu objectivo para esta prova era melhorar o meu recorde pessoal da milha (5.39) que tinha sido alcançado precisamente nesta prova em 2011.

O percurso já o conhecia e sabia de antemão que não era fácil. Praticamente na totalidade da sua extensão em paralelos, com bastantes viragens e uma subida de aproximadamente 250m no final.

Lá arranquei a todo o gás! No início parece que somos capazes de fazer os 1609m sempre a sprintar, mas após uns 400m o coração já bate ao máximo e atinge-se aquele ponto em que é preciso manter a velocidade até ao fim.

Foi o que tentei fazer. Queria melhorar o tempo do ano passado e então tentei partir mais rápido que no ano passado... O ano passado fiz os primeiros 1000m em 3.24, este ano fiz em 3.19.

Não sei qual era a temperatura ambiente, mas seguramente era menos de 10ºC. Ao fim da tarde, com o sol já quase a desaparecer e uma leve brisa, pareciam vidros a cortarem-me os braços...

Apesar de não ter conseguido acelerar na recta da meta,  mantive o ritmo e cortei a meta com 1,67km e 5.36 no meu relógio.

Após a chegada é que foram elas! O frio nos braços e antebraços era "de rachar" e a garganta também se queixava... E depois aquele sabor a sangue na boca, que já não sentia desde os corta matos escolares à uns 10 anos atrás...

O tempo oficial foi de 5.37, menos dois segundos que o tempo do ano passado, o que passa a ser o meu novo recorde pessoal da milha.

Sei que posso fazer melhor que este tempo. Este percurso tem mais do que os 1609m da milha, tem muitas viragens e o piso é bastante irregular. Se um dia tiver oportunidade, tentarei realizar uma milha em pista, onde a distância é exacta e o piso plano. Aí provavelmente conseguirei um tempo na casa dos 5.20 ou quem sabe 5.10.

10º GP da JF de Grândola - Circuito José Afonso

No domingo, dia 05 de Fevereiro, realizou-se em Grândola o 10º Grande Prémio da localidade organizado pela sua Junta de Freguesia e com a parceria da Xistarca.

Foi uma prova bem participada, com 695 atletas chegados à meta, sendo 87 (12,5%) mulheres, que coloriram as ruas de Grândola numa manhã de domingo solarenga, mas algo fria.

Em masculinos triunfou Sérgio Silva do Maratona CP, seguido e Sérgio Dias também do Maratona CP em 2º e Valery Zholnerovich da Letónia em 3º. Bruno Paixão classificou-se em 4º lugar levando as cores do Atletismo Clube de Portalegre à porta do pódio.

Em femininos foi mais forte Jelena Prokopchuka da Letónia, seguida de Raquel Trabuco do Clube Elvense de Natação em 2ª e Vera Nunes do SL Benfica em 3ª.

Equipa ACP presente: eu, Carla, Ângela e Bruno.

Aqui não iria correr para nenhum tempo nem para bater recorde pessoal. O objectivo era acompanhar a Carla que se iria estrear numa prova de 10km.

Seria bom para mim que tinha feito a milha no dia anterior e assim fazia um treino de recuperação num ambiente mais animado e, seria bom para a Carla que assim tinha companhia e alguém que lhe desse força durante a prova.

O principal objectivo era chegar ao fim, o resultado depois logo se veria, mas o ritmo dos 6min/km, para começar, era uma referência.

Partimos integrados no pelotão, a desfrutar do ambiente e logo passadas umas dezenas de metros começo a ouvir o pessoal a comentar "O percurso está diferente...", "Não costuma ser assim...".

Lá continuamos e mais à frente passamos pela placa dos 2km, enquanto que no meu Garmin ainda registava apenas uns 800m. Alguma coisa estava mal... Ou as placas dos km estavam mal colocadas ou então tinha havido algum erro no percurso... No final a organização prontamente se desculpou, dizendo que tinha havido um lapso (provavelmente pelo condutor do carro que seguia na frente) e que tínhamos encurtado o percurso em cerca de 1200m logo no início, porque deveríamos ter virado à esquerda e realizar uma pequena volta de 1000m e só depois seguir à direita... São coisas que acontecem...

Dado isto, logo cedo nos apercebemos que não iríamos chegar aos 10km e provavelmente nem aos 9km.


Segui com a Carla, num ritmo confortável para ela, bem melhor que os 6min/km previstos, dando-lhe força nos momentos mais difíceis e tentando tornar aqueles minutos numa coisa boa e divertida.

Conseguimos um tempo de 48.45 em 8,69km registados no garmin com uma média de 5.37 min/km.

E assim foi este fim de semana desportivo, bem preenchido e animado, com direito a recorde pessoal na milha e uma "quase estreia" da Carla nos 10km.

Para o próximo há mais!

Sem comentários:

Publicar um comentário